mem

Sobre o Grupo de Estudos de Cinema Latino-Americano e Vanguardas Artísticas

O Grupo de Estudos de Cinema latino-americano e vanguardas artísticas (GECILAVA) tem o prazer de apresentar ensaios sobre filmes do 11o Festival de Cinema latino-americano. Trata-se de uma boa parceria, iniciada no 8o Festival, em 2013, com a intenção de ajudar a tornar visível a magnífica cinematografia da América Latina. A bem merecida homenagem a Anna Muylaert e a Mostra de Mulheres Atrás das Câmeras realçam, quantitativa e qualitativamente, a produção das mulheres nesta importante cinematografia. Não que o Festival não selecionasse realizadoras nas outras edições, porém o destaque é sempre bem vindo para visibilizar o crescimento da participação das mulheres numa profissão em que elas sempre foram minoria. É destaque também a presença do Equador, que se junta à Venezuela, à Guatemala, ao Paraguai ao Peru, ao Uruguai, a Cuba e aos outros cinemas latino-americanos do Brasil, Argentina, México, e Chile, que tem uma produção maior. Se o Festival chega a sua 11a edição, consagrando os filmes latino-americanos e formando um público jovem cativo, precisa ainda destacar a produção indígena para se tornar mais completo e inclusivo.

Gostaríamos de apresentar o GECILAVA para o público do festival. É um grupo interuniversitário de estudos da Universidade Federal de São Paulo, ligado ao CNPQ. Temos encontros mensais para discutir filmes e arte latino-americanas. Participam do grupo pessoas ligadas as várias universidades – UNIFESP, USP, UNICAMP, UFSCAR, UFABC, PUC-CAMPINAS. Pós-doutores, doutores, doutorandos, mestres, mestrando, graduados, graduandos e o público em geral que têm interesse no cinema e na arte de América Latina.

O GECILAVA já organizou, em São Paulo, O Colóquio de Cinema e Arte de América Latina (COCAAL), que está na sua 4a Edição. Os dois primeiros encontro foram em São Paulo, o 3o na Universidade Federal Fluminense, e o 4o acabou de ser realizado na Cineteca da Cidade de México. O próximo encontro, em 2017, será em São Paulo, organizado pelo GECILAVA.

Além dos ensaios escritos para os diversos encontros do Festival de Cinema Latino-americano de São Paulo, também escrevemos ensaios para a Mostra Olhar: um ato de resistência, que fez parte do Forumdoc, Belo Horizonte, 2015. Contamos com duas publicações – Imagem e Exílio, publicado em 2015, e Imagem, Memória e Resistência, que será lançado em agosto de este ano, ambos pela Discurso Editorial. Estaremos lançando ainda neste ano, pela editora do Memorial, um e-book com vários dos ensaios (numa versão mais completa e reflexiva) que fizeram parte dos Festivais de Cinema Latino-americano anteriores – 8o, 9o e 10o.

Conheça nosso blog. https://cinemalatinoamericano.wordpress.com/ e todas e todos estão convidados a participar nesta delícia que é trabalhar com o cinema e a arte de América Latina.

Alexsandro Silva (Mestre – USP)
Ana Dandara Brasil Miranda (Graduanda – UNIFESP)
Cristina Beskow (Doutora – USP)
Cristina de Branco (Mestre – UNLisboa)
Daniela Gillone (Pós-doutora – USP)
Gretel Najera (Mestranda – UFABC)
Lucia Monteiro (Pós-doutoranda – USP)
Luís Belloto (Graduando – UNIFESP)
Marilia- Marie Goulart (Mestre – USP)
Marina Campos (Doutoranda – USP)
Mario Miranda Rezende, Graduando História da Arte – UNIFESP
Milton Alves (Mestrando – UNIFESP)
Natália Barrenha (Doutoranda – UNICAMP)
Paola Louise Ferreira de Resende (Graduanda – UNIFESP)
Patrícia Vaz (Mestre – UFSCAR)
Sérgio César Júnior (Mestrando – UNIFESP)
Vanderlei Mastropaulo (Mestre – USP)
Vivian Belloto (Graduanda – UNIFESP)
Vivian Berto (Mestranda – UNIFESP)
Thays Salva (Graduada – UNIFESP)
Thiago Soares (Graduando – UNIFESP)
Yanet Aguilera (Coordenadora – UNIFESP)

Comments

comments

Posted in Ensaios.